março 28, 2012

[Segurança] Revisando os eventos de 2011

Tivemos vários eventos de segurança no Brasil em 2011, a ponto de que, durante alguns meses, haviam eventos diferentes quase que toda a semana. Alguns eventos foram bem interessantes e outros nem tanto. Por isso mesmo, eu decidi criar este texto para deixar a minha impressão pessoal sobre os principais eventos que tivemos no ano passado e que eu tive a chance de participar.

As opiniões apresentadas abaixo são minhas e não refletem necessariamente a opinião dos organizadores e participantes dos eventos citados. Eu também só estou comentando sobre os eventos que considero serem os principais, maiores ou mais importantes eventos realizados em 2011, e somente os eventos nos quais estive presente a ponto de formar uma opinião sobre o que realmente aconteceu.

  • 28 e 29/03: CNASI Rio de Janeiro - Edição do tradicional Congresso Latinoamericano de Auditoria de TI, Segurança da Informação e Governança (CNASI) que ocorreu no Rio de Janeiro. Foi um evento pequeno, com poucas pessoas e nenhum stand de patrocinador. Os dois dias de palestras e debates foram marcados por um conteúdo mais voltado para o público gerencial ou iniciante no mercado, que aparentemente é o foco tradicional do CNASI. Na minha opinião, o evento tem o grande mérito de levar conteúdo para um público fora de São Paulo.
  • 09 e 10/04: Web Security Forum - Um evento novo, em sua primeira edição, organizado pelo Gustavo Lina do blog Coruja de TI. Eu gostei muito da grade de palestras, com diversos temas e alguns debates bem interessantes e um bom equilíbrio entre assuntos técnicos e gerenciais. O principal destaque, na minha opinião, foi na organização do evento: primorosa, com um ambiente bem organizado e decorado. Incluiu refeição para todos os presentes e uma van para quem se deslocou até lá via transporte público. Ótima quantidade de patrocinadores e uma boa área de exposição para eles. Pena que a área comum era um pouco pequena e ficava bem lotada nos intervalos. Muita gente legal participando do evento.
  • 14/04: SecureBrasil - Esta é a principal conferência do (ISC)² e a primeira vez que foi realizada no nosso continente. Ótimas palestras, boa área de patrocinadores e um público bem seleto e de qualidade. Também foi um evento muito bem orgnizado.
  • 13 e 14/05: GTS-17 - Esta foi a 17ª Reunião do Grupo de Trabalho em Segurança de Redes, do NIC.br. Como sempre, foi um evento gratuito, com um foco um pouco mais técnico e palestras de boa qualidade. Tem uma grande audiência, com muita gente presente e com transmissão online.
  • 15/05: Conferência O Outro Lado (Co0L) - Primeira edição da mini-conferência gratuita organizada pelo Garoa Hacker Clube seguindo o modelo das Security B-Sides, realizada no dia seguinte ao GTS e na véspera do YSTS. Teve diversas atividades acontecendo simultaneamente, como palestras, oficinas, debates e um churrasco. Vale a pena pelo ambiente descontraído, pelo networking e pelas palestras também. A desvantagem, na minha opinião, é a limitação do espaço, que é pequeno e, por isso, as pessoas ficam apertadas.
  • 16/05: You Shot the Sheriff (YSTS) - Um dos eventos Brasileiros mais importantes, o YSTS destaca-se pela excelente qualidade das palestras (com foco técnico e gerencial) e pelo clima descontraído do evento, em parte graças ao open bar que acontece após o almoço. Nesta edição, porém, eles pecaram pela escolha do lugar: como foi um ambiente muito grande, houve pouca interação entre os participantes e o pessoal ficou a maior parte do tempo em suas mesas.
  • 16 e 17/05: CNASI Brasília - A edição do CNASI em Brasília (DF) também é um evento menor do que o de São Paulo. A grade foi muito parecida com o do Rio, mas teve uma quantidade maior de público do que a edição carioca. Assim como todos os CNASIs, o conteúdo é mais focado no público gerencial e de complexidade mediana. Também tem o mérito de levar conteúdo para um público fora de São Paulo
  • 12 e 13/07: CNASI Nordeste/Recife - O CNASI de sempre ocorreu pela primeira vez no Nordeste. Assim como as demais edições regionais, esta foi uma edição pequena, porém me pareceu que foi maior do que as edições no Rio e em Brasília - inclusive com mais patrocinadores. Tem o grande mérito de levar um evento de segurança para o Nordeste.
  • 12 e 13/08: VI Workshop SegInfo - Um evento de segurança tradicional e importante no mercado do Rio de Janeiro, que possui excelente qualidade em termos de palestras, tanto com foco técnico e gerencial - e inclui também uma competição de War Games. Eu, particularmene, gostei muito da organização, que foi impecável e tratou muito bem os palestrantes.
  • 03 e 04/09: Vale Security Conference - Um evento novo, em sua primeira edição, focada na região do Vale do Paraíba e São José dos Campos, em especial. Teve um ótimo mix de palestras e contou com palestrantes de excelente qualidade. Também foi bem organizado e merece minah adimiração pela iniciativa de criar um evento em São José dos Campos (me fez sentir saudades do antigo SSI, um evnto que acontecia anualmente no ITA). Curiosidade: Eu fiquei tão impressionado com a qualidade das palestras que eu fiquei morrendo de medo quando subi no palco para palestrar.
  • 05 a 07/10: VIII ICCyber - Neste ano o ICCyber (Conferência Internacional de Perícias em Crimes Cibernéticos) ocorreu em Florianópolis. É um evento que possui um foco bem específico em combate ao crime cibernético e forense computacional, mas neste ano eu saí muito frustrado, com a impressão que várias palestras foram de baixa qualidade. Em alguns casos, a minha frustração foi tão grande que eu me retirei de algumas palestras após ficar poucos minutos na sala. Mas não foi sempre assim: nos anos anteriores que eu fui, eu gostei muito das palestras que vi. O destaque é a área de expositores e também o fato do evento acontecer cada ano em um estado diferente.
  • 10 e 11/10: III Congresso Crimes Eletrônicos - Não consegui ir no evento devido a coincidência de muitos eventos em pouco tempo. Em 2010 eu fi e gostei - das palestras (que tem um foco também em aspectos legais), do espaço e da área de exposições.
  • 18 a 20/10: Vigésima edição do CNASI-SP, um evento tradicional que não deixa de ser o maior evento brasileiro de segurança. Embora eles tenham um processo de CFP que tentam priorizar a qualidade das palestras, o CNASI é normalmente associado a idéia de palestras de qualidade mediana e foco mais gerencial e pouco técnico. O evento segue um formatão tradicional, congelado no tempo, mas que atende ao formado de "grande conferência". Tem quatro trilhas de palestras e debates e uma área de expositores (que é menos expressiva do que a área do Security Leaders).
  • 29 e 30/10: A oitava edição da Hackers to Hackers Conference (H2HC) manteve o seu tradicional foco em palestras técnicas de boa qualidade relacionadas principalmente pesquisa de vulnerabilidades e novos ataques. Embora a conferência tenha mudado para um local melhor, ela manteve mais ou menos o mesmo tamanho do ano anterior. Teve uma área de exposição de patrocinadores boa, mas que ficou escondida no final do espaço reservado para o evento. Eu fiquei particularmente frustrado pois esperava que a H2HC deste ano pudesse ser bem melhor e maior do que a do ano anterior.
  • 12 e 13/11: Silver Bullet - Este foi um novo evento criado com o objetivo de ser uma versão maior do You Sh0t the Sheriff, com dois dias e duas trilhas de palestras. Apesar da boa qualidade das palestras, teve poucos participantes (menos do que seria o seu potencial) e, na minha opinião, faltou algo que caracterizasse o espírito da conferência (para mim, saí com a impressão de que a Silver Bullet foi um evento comum, sem nenhuma característica em especial que o diferenciasse dos demais eventos). O evento também teve um espaço para fornecedores, mas acredito que o ponto forte foi a sala lounge dedicada para o relacionamento e networking dos participantes.
  • 23 e 24/11: Security Leaders - A segunda edição do Security Leaders manteve o formato original, voltado principalmente em torno de debates, que foram transmitidos ao vivo pela Internet. O ponto forte é a grande área de expositores, que conta com as principais e maiores empresas de segurança. A desvantagem, na minha humilde opinião, é a baixa qualidade da programação: os debates são muitas vezes superficiais e não tem tempo suficiente para todos os particiantes opinarem nem se aprofundarem no assunto discutido.
  • 02 e 03/12: GTS-18 - Reunião do Grupo de Trabalho em Segurança de Redes (GTS) do NIC.br. Manteve o formato de palestras principalmente técnicas. A grande diferença desta edição é que os organizadores tentram inovar um pouco e, pela primeira vez, não colocaram uma bancada no palco aonde eles ficavam. Assim, ele perdeu um pouco do ar demasiadamente formal que o evento tinha (ponto positivo!).
  • 15/05: Conferência O Outro Lado (Co0L) - A segunda edição da Co0L foi realizada no dia seguinte ao GTS. Assim como na edição anterior, teve diversas atividades acontecendo simultaneamente, como palestras, oficinas, debates e um churrasco. Esta edição foi melhor organizada que a anterior, porém teve menos participantes - e parte do motivo, na minha opinião, foi o azar da data coincidir com o final do campeonato brasileiro.


Além dos eventos comentados acima, eu reforço a minha adimiração pela Defcon (realizada nos EUA) e pela conferência argentina Ekoparty. A Defcon é a maior conferência hacker do mundo, com mais de 6 mil pessoas e dezenas de palestras e atividades simultâneas, enquanto a Ekoparty é um excelente evento de segurança com foco principal em pesquisa em segurança. Na minha opinião, a qualidade das palestras da Ekoparty é superior a de todos os eventos brasileiros.

Para encerrar, eu quero destacar quais eventos eu considero que foram os melhores em 2011. Na minha opinião, os eventos que mais gostei e que merecem destaque foram:
  • Web Security Forum - Foi um dos melhores e mais bem organizados do ano. Foi o evento mais "metrosexual" de todos, pelo capricho na decoração do ambiente. E teve ótimas palestras.
  • SecureBrasil - Merece destaque pela qualidade do público presente.
  • CNASI Nordeste/Recife - Parabéns por levar um evento para o Nordeste.
  • Workshop SegInfo - Muito bem organizado, excelentes palestras e destaque ao tratamento dado aos palestrantes.
  • Vale Security Conference - Excelente iniciativa de promover um evento em São José dos Campos. Excelentes palestras e organização bem feita. Tiro o chapéu para o Jordan Bonagura.


Lembrete: Este texto reflete única e exclusivamente a minha opinião pessoal sobre os eventos citados.

Nenhum comentário:

Creative Commons License
Disclaimer: The views expressed on this blog are my own and do not necessarily reflect the views of my employee.