fevereiro 19, 2010

[Segurança] Reportagem sobre segurança na rede WiFi doméstica

Fiquei contente ao ver que o Jornal da Globo fez uma reportagem muito caprichada sobre a importância das empresas e dos usuários domésticos tomarem cuidado com a segurança de suas redes wireless.

A reportagem "Aprenda como se proteger dos hackers", que foi ao ar nesta quinta-feira, dia 18/02, mostrou como as redes wireless são vulneráveis e deu dicas sobre o que um usuário, que tenha uma rede sem fio em casa, pode fazer para se proteger de invasões.

"Quem mora em apartamento sabe muito bem: dá para pegar uma caroninha na internet sem-fio do vizinho sem pagar nada. Redes abertas ou que usam padrões de segurança antigos são um perigo".


A reportagem explica o que é uma rede wireless (WiFi) e, para ilustrar o risco de invasão, usa como exemplo a rede de uma pequena farmácia em Agudos, no interior de São Paulo. Em menos de 5 minutos, o meu colega Filipe Balestra (um dos organizadores da H2HC) consegue entrar na rede da farmácia. A equipe da TV Globo consultou colegas experientes no mercado. Além do Filipe, em seguida a reportagem entrevistou o Ghassan e o Daniel Garcia, ambos da CISCO, que falam um pouco sobre como funciona a segurança em redes sem fio. Para finalizar, ninguém menos que o Dr. Mariano, delegado da 4ª Delegacia de Crimes por Meios Eletrônicos de São Paulo, lembra que o Brasil ainda não possui uma legislação específica que auxilie no combate a crimes por meios eletrônicos.

De uma forma geral, a reportagem concentra a dica no uso do protocolo WPA2 pela rede wireless. Isto deve ser configurado no roteador (access-point) e no micro do usuário. Também devo lembrar que uma dica simples e fundamental consiste em manter sempre todos os sistemas atualizados, incluindo os computadores e até mesmo os roteadores wireless que o usuário possuir (neste caso, envolve a atualização do firmware do dispositivo, o que infelizmente não é algo tão simples para o usuário final quanto é utilizar o "Windows Update" em seu computador, por exemplo).

Uma boa referência adicional para este assunto é a Cartilha de Segurança para Internet do Cert.br. Ela tem um capítulo específico com dicas de segurança para redes de banda larga e redes sem fio.

Um comentário:

Egr disse...

Realmente excelente matéria. Back Track Wins haha ;-)

Creative Commons License
Disclaimer: The views expressed on this blog are my own and do not necessarily reflect the views of my employee.