setembro 13, 2013

[Cyber Cultura] Quantos hackers são necessários para trocar uma lâmpada?

Quantos hackers são necessários para trocar a lâmpada de um Hackerspace?

1 para reclamar da lâmpada queimada
1 para criar uma página no wiki sobre a lâmpada queimada
2 para testarem a instalação elétrica da casa toda e descobrirem que a instalação elétrica está ok
1 para propor um fork da iluminação da sala
10 para fazerem uma oficina de eletricidade, com multímetro, amperímetro, osciloscópio e... uma lâmpada que funciona (que não foi colocada no lugar da queimada)
1 para pedir pizza
1 para fazer uma palestra sobre as invenções de Thomas Edison
1 para ficar trollando dizendo que o Tesla era muito melhor
2 para construirem uma escada para trocar a lâmpada
5 para tentarem fazer um robô-seguidor de linha que também troca a lâmpada
1 para pedir pizza
5 para fazerem um coding dojo com objetivo de criar um programa em phyton que simula o problema da lâmpada queimada
1 para postar o código fonte do projeto no github
6 para fazer um testador de lâmpada, que inclui um sensor controlado por arduíno para calcular o brilho da lâmpada
1 para pedir pizza
1 para sugerir colocar uma fita de leds em toda a sala em vez de trocar a lâmpada
1 para sugerir a troca de toda a luminária
20 para levarem luminárias velhas que estavam em suas casas
10 para ficar reclamando das luminárias acumuladas no depósito, ocupando espaço
1 para pegar as malditas luminárias e transformar todas elas em outro robozinho seguidor de linha
1 para pedir pizza
1 para reclamar que o pedido de pizza tem que ter opção para os vegetarianos
(2 meses se passam e a lâmpada ainda não foi trocada!)
1 para sugerir uma festa da troca da lâmpada, com comes e bebes sendo vendidos para arrecadar fundo para o hackerspace
1 vegano para perguntar se a "festa da troca da lâmpada" vai ter comida para ele
50 para irem na festa, comerem, ficarem bêbados, e não trocarem a lâmpada
8 para fazerem uma oficina de como construir uma lâmpada usando garrafas PET e clips de papel
1 para comprar um extintor de incêndio novo, depois da oficina que não deu certo...
1 para doar uma lâmpada usada, empoeirada, mas que ainda funciona
5 para doar uma lâmpada queimada cada, achando que a galera vai hackear e consertar a lâmpada
2 para fazer um cubo de LEDs e ficar insistindo que é melhor usar o cubo de leds do que a lâmpada
1 para pedir pizza
1 para reclamar que a tecnologia da lâmpada é proprietária, e que devemos criar um projeto aberto de hardware para substituir a lâmpada
1 para instalar uma lâmpada mais forte na sala ao lado, para poder iluminar a sala que ainda está escura pois a lâmpada queimada ainda não foi trocada
4 para fazerem um iluminador automático, controlado com arduíno, usando um sensor de luminosidade e vários leds, para iluminar a sala quando estiver escuro
2 para conectarem o arduino na Internet e mostrar uma página no site do Hackerspace com o status da iluminação da sala
3 para reclamarem que a página de status da iluminação da sala não está funcionando
1 para pedir pizza
1 pessoa para lembrar da Centennial Bulb, uma lâmpada que está acesa há 112 anos
1 para enviar um link para o documentario "Obsolescencia Programada" que conta a história dos cartéis de fabricantes de lâmpadas que extinguiram as lâmpadas de alta durabilidade do mercado, que são perfeitamente factíveis do ponto de vista técnico mas que são uma desgraça para os interesses econômicos dos fabricantes de lâmpadas
1 para reclamar que não dá pra assistir o vídeo sem ser obrigado a instalar o Flash Player proprietário da Adobe
20 para sugerir técnicas obscuras de sniffing de protocolo para extração do video-stream
20 para basicamente dizerem que a dificuldade não é técnica, mas sim alguma forma de extremismo ideológico
metade da lista de emails entrando num flame war a respeito do capitalismo selvagem e corporate greed
1 para perguntar se alguém chegou a assistir o vídeo para saber se era mesmo interessante
15 para ignorar a pergunta e continuar debatendo alguma visão maniqueísta sobre software livre versus software proprietário
1 para lembrar que está na sala naquele momento e que a lâmpada continua apagada, mas que pelo menos assim fica mais confortável para assistir o documentário em clima de cineminha, só falta a pipoca
6 para oferecer doações de fornos microondas quebrados, para alguém consertar e poder fazer pipoca
1 para dizer que aceita todos os microondas que ninguém quiser, desde que entreguem na casa dele
1 para dizer que a sala escura fica mais aconchegante e dá um clima romântico, sugerindo uma iluminação com leds vermelhos
3 garotas para reclamar que o comentário foi sexista e que o rapaz deveria ser expulso ou moderado na lista de discussão
(6 meses se passam e a lâmpada ainda não foi trocada!)
1 para sugerir um projeto que envolva o uso reciclável da lâmpada queimada, fazendo um mini-robô com ela, uma lamparina ou um mini-coquetel molotov para levar nas manifestações de rua contra a corrupção
1 para oferecer um conjunto de cabos de força de PC velho, dizendo que podemos utilizá-los para conectar a lâmpada na tomada
1 para reclamar que alguém pegou o alicate de cortar fios e, depois de usar, guardou na gaveta errada
1 para fazer vários desenhos e grafites na sala usando tinta fosforescente
1 para, num belo dia e sem avisar ninguém, nem planejar, subir numa cadeira e trocar a lâmpada queimada por aquela lâmpada usada e empoeirada, pois estava escuro para ele usar a bancada
1 para atualizar a página no wiki sobre a lâmpada queimada

4 comentários:

Ygor Souza disse...

Alguma coisa ou outra aí, coincide com situações que "acho" que acontece na vida real... uhaeuhauehauhe.
Principalmente em um HC de sampa por aí hahaha

Laércio Mesquita disse...

kkkkkk, muito bom... e pensar que tudo isso aconteceu por causa de uma lâmpada.

DVM - Delphi Virtual Machine disse...

Um para colocar isso em seu Blog.

Mauro Risonho de Paula Assumpção disse...

Anchises...rss faltou falar:
1 que sugere que 1 sabre de luz de star wars no lugar da lampada, pode iluminar melhor...rsss

Creative Commons License
Disclaimer: The views expressed on this blog are my own and do not necessarily reflect the views of my employee.